CRÍTICA | Pokémon: Detetive Pikachu

Com uma história envolvente sobre amizade e família, Detetive Pikachu traz toda a essência do Pokémon para as telas do cinema nesse novo formato Live Action inteligentemente cativante.

Apesar do filme ser relacionado ao game “Detetive Pikachu”, o longa soube mesclar o conteúdo dos desenhos, do filme de 98 e do game de maneira excelente. Para os fãs da franquia, rever Pokémons clássicos como Pikachu, Bulbasaur e Charizard, por exemplo, faz com que o coração salte de emoção.

Reprodução/Warner Bros

Detetive Pikachu também cria uma atmosfera super verdadeira entre humanos e Pokémons, mostrando o papel que um Pokémon poderia ter em nossa sociedade, o que faz com que você tenha vontade de viver em Ryme City e tenha seu próprio parceiro Pokémon para viver grandes aventuras.

Não menos importante, o filme sabe construir uma narrativa com sentido e com um suspense leve, no qual o enredo vai se entrelaçando e evoluindo até o final. Algo a se destacar é a quantidade de Plot Twists que acontece durante o longa, o que torna o filme longe de ser sugestivo ou chato; em outras palavras, não ache que você sabe o que vai acontecer… você certamente está errado! Mesmo conhecendo Pokémon “de trás pra frente”, a surpresa virá.

Reprodução/ Warner Bros

Analisando as personagens, é importante salientar a preocupação da Warner e dos envolvidos no longa de trazer a representatividade (tão importante em nossa cultura atual). Com uma boa diversidade, os personagens são facilmente identificáveis.

Para os amantes de CGI e efeitos especiais, o filme não decepciona. Com uma preocupação e qualidade excepcional, é possível ver nos Pokémons os menores pelinhos e entender, pela expressão em seus rostos, o que eles querem realmente dizer (mesmo quando o que ouvimos são apenas seus nomes).

Detetive Pikachu também traz muito humor e momentos inesquecíveis (alô Mr. Mime, Ditto e crise existencial do Pikachu) e se torna um filme divertido e gostoso de assistir.

Reprodução/ Warner Bros

Para finalizar, não se tem muitos pontos negativos, mas o romance é bem infantil, um pouco forçado e inconclusivo, assim como, o meio da narrativa se torna um pouco carregado e cansativo. Mesmo assim, os pontos positivos certamente se sobressaem ao se comparar com os negativos e, por isso, o filme se torna merecedor de ser visto.

Ao contrário do que muitos achavam, um formato Live Action para a saga Pokémon não foi um erro, muito pelo contrário, foi uma nova forma mais real e paupável de apresentar esses bichinhos que conquistaram toda uma geração e, ainda hoje, perpetua entre a galera nerd/Geek mais nova que ainda está sendo inserida nesse mundo. Para aqueles que não conhecem nada de Pokémon, o filme é fácil de entender e não pede um prévio conhecimento. Para os amantes da franquia, se preparem! Quando vocês ouvirem a trilha sonora de fundo e verem o Pikachu que vocês sempre sonharam em ter falando “Pika Pika”, tenho certeza que irão se arrepiar.

Mesclando amizade, resiliência, família, evolução pessoal, respeito ao próximo e possibilidade de cooperação entre “seres” diferentes, o filme acerta em cheio conquistando tanto as crianças, quanto os adultos. Diversão na certa, Detetive Pikachu vale a pena ser visto.

Nota para o longa: 8,5

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑