Resenha | Homem-Aranha: Entre Trovões

Nunca foi segredo para ninguém que J. Jonah Jameson usasse o Clarim Diário para seus ataques ao Homem-Aranha; e, por mais que o Amigão da Vizinhança se esforce, sempre será uma ameaça segundo a opinião pública. Mas as coisas tomam novas proporções a partir do momento em que a vida de Peter Parker vira de cabeça para baixo e pessoas muito próximas sofrem as consequências. 


Enquanto Manhattan é devastada por frequentes ataques, o Cabeça de Teia tem de enfrentar a engenhosidade de robôs movidos por um só intuito: acabar com sua vida. Como se não bastasse, o sentido-aranha alerta que o aracnídeo não pode confiar nem mesmo em Mary Jane e na adorável tia May, e tudo aponta somente em uma direção: JJJ. 
A busca por respostas pode custar a vida do herói, e vilões como Electro estão dispostos a garantir isso!

Não há quem duvide que Peter Parker na fase adulta é seu melhor momento! O livro Homem-Aranha Entre Trovões é um belo exemplo disso. Situando-se entre diversos momentos da vida do nosso herói, este livro envolve várias fases do aranha e o autor apresenta logo na primeira página do livro para você se situar. Passando-se logo após Mary Jane começar sua carreira no teatro e antes de Peter fazer parte dos Vingadores.

Foi um livro que eu não dava nada, mas me surpreendeu tanto que até agora não o superei. Neste momento da vida do Cabeça de Teia, além dele lutar contra diversos elementos do crime na cidade de Nova Iorque, as coisas vão de mal a pior quando J. J. Jameson se torna seu inimigo número 1, com o poder da imprensa ele é capaz de colocar toda a cidade contra o Homem-Aranha e isso só abre mais brechas para os inimigos do nosso herói, um deles é o Electro.

Partindo daí a história nos leva a uma jornada muito bem articulada e divertida como o personagem, suas tiragens e seus trejeitos são presentes em cada capítulo e mesmo com todas as circunstâncias, Peter ainda mantém sua essência. Partindo do aspecto escrita, Christopher L. Bennett consegue adaptar muito bem o herói e principalmente narrar as cenas de ação dos quadrinhos para as palavras.

O lado emocional de Peter é um dos temas mais abordados em toda a trama, pois ele está com “problemas” com seu sentido aranha e isso lhe fará desconfiar de literalmente todos ao seu redor. Além de lembrar os acontecimentos de Longe de Casa.

Homem-Aranha Entre Trovões é um livro ótimo que adapta fases de Peter Parker da melhor forma e nos traz o sentimento de todos os filmes e referências de tantos outros do MCU, como quando citam a subdivisão dos heróis e Peter explica aonde ele se encaixa num mundo com o Quarteto Fantástico, os Defensores e os Vingadores na mesma cidade. Leia e você vai se surpreender. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑