Notícias

Especial Mulheres no Poder: Patricia Walker – Hellcat

Na edição de hoje, vamos falar sobre a Hellcat (ou Felina/Gata do
Inferno em português). Diferente das heroínas desse especial, a história de Patricia Walker é extremamente interessante, pois ela surgiu antes mesmo da Marvel ser o que é hoje, misturando a visão humana de uma jovem divertida com a vontade de ser uma super heroína. Se você acha que já ouviu esse nome em algum lugar, você está certo! A Felina aparece na série Jessica Jones da Netflix como irmã e melhor amiga de Jessica, mas a verdade é que a personagem é um pouco diferente do que vimos na obra audiovisual. Criativa, determinada e extremamente corajosa, Hellcat demonstra porque merece espaço nesse especial!

Ps. Só lembrando que a base bruta de conteúdo desse especial é retirado do livro “Powers of a Girl” de Lorraine Cink.

4- PATRICIA WALKER – HELLCAT

“Vire-se senhor e conheça – A Hellcat!”

Patricia Walker
Nome: Patricia "Patsy" Walker
Nome de Heroína: Hellcat
Base: Agência Patsy Walker Temp na Rua 68 Jay, no Brooklyn, NY
Super poderes: Aumento de força e durabilidade
Aprimoramento Psíquico
Visão Demoníaca
Habilidades: Artes marciais
Pode convocar seu traje
Amante de filhotinhos de gato
Reprodução Powers of a Girl

PATRICIA WALKER – FAMOSA E SONHADORA –

Diferente dos nossos heróis mais conhecidos, Patrícia Walker – aka Hellcat – não nasceu com poderes, não foi mordida por um gato radioativo e não nasceu aprendendo artes marciais! Com outras palavras, ela não possui poderes próprios, mas tem uma determinação que a levou longe.  

Patsy é filha única de Joshua e Dorothy Walker (uma escritora de quadrinhos) que nasceu como uma típica menina da Califórnia: modelo e atriz durante a adolescência que passava seus dias surfando, estudando, dançando, saindo com seu crush Buzz Baxter e competindo com sua amiga -inimiga Hedy Wolfe.

Assim como apresentado no seriado Jessica Jones, sua mãe era sua empresária; mas nos quadrinhos, Dorothy Walker explorava as aventuras adolescentes de sua filha como inspiração para criar quadrinhos da Patsy Walker. Claramente, Patsy ficou ainda mais famosa (o que a deixou aflita), contando os dias para se ver livre de sua mãe e seguir seus sonhos: Se casar com Buzz e se tornar uma super heroína em uma grande cidade.

Reprodução Marvel Comics

PATRICIA WALKER – SE TORNANDO A HELLCAT –

Após seu plano de se casar com Buzz dar errado (devido à uma viagem militar que mexeu com o relacionamento dos dois), Patsy finalmente estava livre para seguir seu sonho de se tornar uma heroína. Na maior cara de pau, ela perseguiu os Vingadores e, basicamente, implorou por um lugar na equipe.

Cá para nós… Quem iria querer uma jovem mulher famosa, sem poderes, para se unir ao grupo mais poderoso de super heróis da Terra? Pois é… Assim, no intuito de assustá-la estrategicamente para fazer com que ela mesmo desistisse da ideia, os Vingadores a levam para uma missão na Corporação Brand, onde, coincidentemente, seu ex Buzz agora trabalha.

Claramente, a missão teria que ter uma reviravolta! E o grupo descobre que Buzz se tornou um criminoso cruel. Com a perfeita desenvoltura de Patsy junto aos seus conhecimentos sobre o seu ex, o time finalmente consegue derrubar a Corporação Brand. Com isso, os Vingadores percebem que Patsy não era tão inútil assim e resolvem lhe dar uma chance: eles acham um traje para ela (o qual pertenceu a uma heroína chamada Gata) e ela o aceita sem pensar duas vezes, se tornando imediatamente a Hellcat.

O traje amarelo de gato é capaz de dar poderes para quem o veste, assim, é só colocá-lo que você poderá ter: superforça, durabilidade e garras metálicas retráteis na luva e nas botas que são capazes de cortar a maioria dos materiais e também lhe dá a habilidade de escalar.      

Reprodução Marvel Comics

PATRICIA WALKER –  AUTOCONFIANÇA É TUDO, MAS UMA AJUDINHA NÃO ERA MÁ IDEIA –

Depois de ser atriz, modelo e personagem de quadrinhos, Patsy estava pronta para seguir seu sonho de ser uma super heroína.

Determinada e acreditando em si mesma, Hellcat sabia que não estava preparada para lutar contra Super Vilões, ou seja, mesmo acreditando em seu potencial, ela precisava treinar muito para se tornar uma Vingadora (e  isso exigiria muito comprometimento de sua parte). Com isso, a vingadora residente Serpente da Lua (Moondragon) insiste para que Patsy vá com ela à Lua Titã (onde a própria Serpente da Lua foi educada) para treinar artes marciais e desenvolver um potencial psíquico.

Reprodução Marvel Comics

Patsy aceita a necessidade de aprimorar sua educação e habilidades e acompanha Serpente da Lua para esse treinamento, onde acaba absorvendo novos poderes.

PATRICIA WALKER – OS DEFENSORES E O FILHO DE SATÃ

Patsy retorna de seu treinamento e está mais preparada do que nunca! Apesar de ter implorado para começar nos Vingadores, Hellcat acaba se unindo aos Defensores.

Nova vida, novos rumos e novos namorados! Isso mesmo! Hellcat começa a se envolver com Daimon Hellstrom, aka filho de Satã!

PAUSA! COMO ASSIM FILHO DE SATÃ?! É isso mesmo que você leu…

“Você acha que todo o negócio de ‘Filho de Satã’ poderia ser uma enorme bandeira vermelha, mas algumas vezes é fácil ignorar sinais óbvios – como ser um demônio. Especialmente quando esse demônio é super gostoso” – Cink sobre Daimon Hallestrom.

Lorraine Cink em Powers of a Girl
Reprodução Marvel Comics

Quando a maldade é oficialmente retirada da alma de Daimon, os dois decidem se casar ( eu sei, eu sei… Patricia tem um certo apego ao matrimônio). Porém, seu ex, Buzz ( que agora é um vilão mutante chamado Cachorro Louco – Mad Dog) aparece para interromper esse momento de felicidade. Com uma luta entre todos eles, Patricia consegue se livrar do seu ex e, finalmente, se casa com Daimon.

PATRICIA WALKER  – HELLCAT NO INFERNO –

Os apaixonados se mudam para São Francisco para se tornarem investigadores paranormais, e é nesse momento que as coisas começam a ser um inferno para Patricia.

Infelizmente, a maldade de Daimon retorna para sua alma em um modo hard e, por isso, os dois se separam (afinal, ninguém quer um marido que seja malvado) e Patricia enlouquece devido as maldades de Daimon. Nesse momento de fraqueza, Hellcat é convencida por Deathurge a fazer uma viagem para o Inferno.

Certamente, nada daria certo no Inferno e Hellcat passa uma parte da sua vida lá lutando contra o demônio Mephisto, tentando voltar a vida. Após um tempo, ela finalmente consegue ressuscitar com a ajuda dos Vingadores.

Reprodução Marvel Comics

Apesar dela estar feliz e agradecida por voltar a vida, isso a marca para sempre, deixando traumas e lembranças horríveis do Inferno.    

PATRICIA WALKER – NOVA VIDA, NOVOS CAMINHOS –

Depois de tantos problemas com seus exs, Patsy decide permanecer solteira e consegue fazer novas amizades.

Por um tempo, ela trabalhou como detetive para a She-Hulk (que se tornaria a sua melhor amiga), a ajudando a solucionar casos legais. Porém, foi após encontrar o Inumano Ian Soo que as coisas tomariam um rumo melhor.

Patsy conheceu Ian quando ele estava cometendo seu primeiro crime: levitando dinheiro de um carro blindado. Patricia interveio na hora e soube imediatamente que Ian não era um vilão, ele só estava falido e bem desesperado.

Com isso, Patsy teve a melhor ideia de todas: Por que não criar uma agência para ajudar pessoas com super poderes (como Ian) a encontrar um emprego?

Com outras palavras, Patsy sabia que nem toda pessoa com super poderes queria ser um Super herói, mas essas pessoas possuem habilidades que seriam ideias para certos empregos! WOW! Que ideia fantástica!

E assim Patsy conseguiu achar seu caminho: Longe dos boys-lixo, com um novo grupo super legal de amigos, chutando bundas de vilões por aí e fazendo algo que a mantinha feliz e realizada – ajudando super pessoas a achar um emprego ao invés de seguir para o crime.

Hellcat realmente é sensacional!

Grupo de melhores amigos
1- She-Hulk: Melhor amiga, conselheira legal e um sucesso nas festas
2- Ian Soo: Inumano novato, colega de quarto e atrevido
3- Tom Hale: Companheiro de infância, caso romântico de Ian e dono de uma loja de livros
4- Hedy Wolfe: Amiga-inimiga, menina malvada, a PIOR
Exs Malvados
1- Buzz Baxter, aka Cachorro Louco
2- Daimon Hellstrom, aka Filho do Satã
Reprodução Powers of a Girl

PATRICIA WALKER  – Curiosidade: QUADRINHOS x NETFLIX –

Como já disse acima, Patricia Walker é mais conhecida por ser a irmã/melhor amiga de Jessica Jones na série de mesmo nome na Netflix. Apesar de terem algumas semelhanças, você sabia que a Hellcat do quadrinho é totalmente diferente da Hellcat de Jessica Jones?

1- Patricia Walker não é a melhor amiga de Jessica Jones

Nos quadrinhos, a melhor amiga de Jessica Jones não é Patsy Walker, mas sim Carol Danvers, a Capitã Marvel! Quando a série estava sendo desenvolvida para a ABC, o roteiro até incluía Danvers, mas com os planos da Marvel de expandir seu Universo Cinematográfico, a Capitã acabou ganhando um filme solo e Patricia Walker acabou ganhando o lugar de amiga/irmã. Como falamos aqui no especial #4, a melhor amiga de Patricia Walker é a She Hulk e não a Jessica Jones.

Reprodução Netflix e Marvel Comics

2-Patsy Walker e Marvel

De acordo com o site Aficionados, Patsy Walker está presente no universo da Marvel antes mesmo da editora possuir esse nome. A personagem aparece pela primeira vez em 1944, quando a Marvel ainda atendia como Timely Comics.

Reprodução Timely Comics / Marvel Comics

Quando ela apareceu, seus quadrinhos não tinham conteúdo de super herói, mas histórias do cotidiano de Patsy e seus amigos adolescentes, envolvendo romance, escola e pequenas aventuras.

Somente na década de 70 é que a personagem seria remodelada para entrar no universo Marvel de super-heróis através da Hellcat, enquanto suas histórias anteriores seriam consideradas ficções (dentro do próprio universo Marvel) servindo como quadrinho criado pela mãe de Patsy, Dorothy Walker, se baseando na vida da sua filha e seus amigos.

3- Trish Walker e Patsy Walker ( ATENÇÃO!!!! POSSÍVEL SPOILER DA TERCEIRA TEMPORADA DE JESSICA JONES)

Apesar das duas versões de Patricia Walker serem Hellcat e sonharem em serem heroínas, ambas são extremamente diferentes quando consideramos personalidade e senso de justiça e responsabilidade. Infelizmente, Trish Walker perde as suas referências de valores em Jessica Jones e acaba se tornando uma vilã, sendo presa no final da terceira temporada. Diferente dela, Patsy Walker dos quadrinhos assume a responsabilidade de seus poderes, possuindo um grande senso de responsabilidade, capacidade de perdoar e incrível inteligência. Além disso, ela não tem o objetivo de vida de ser apenas uma heroína, mas de ajudar pessoas com super poderes a se encontrarem, arrumando um emprego e os livrando da vida do crime.  

Reprodução Comicbook, Marvel Comics e Netflix.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s